Sexta-Selvagem: Cegonha-bico-de-sapato

por Piter Kehoma Boll

Quando eu vi uma imagem desta ave pela primeira vez, muitos anos atrás, meu primeiro pensamento foi de que não poderia ser real. Ela se parece mais com um personagem de uma animação antiga de Hanna-Barbera do que com uma criatura real.

Uma ave de verdade ou um personagem de desenho? Contemplem a cegonha-bico-de-sapato! Foto por Olaf Oliviero Riemer.*

Uma ave de verdade ou um personagem de desenho? Contemplem a cegonha-bico-de-sapato! Foto por Olaf Oliviero Riemer.*

A cegonha-bico-de-sapato (Balaeniceps rex), também conhecida como cegonha-bico-de-tamanco, é uma grande ave africana originalmente considerada parente próxima das cegonhas verdadeiras, já que seu corpo de certa forma lembra o de uma cegonha. Contudo estudos moleculares concluíram que ela é mais proximamente relacionada aos pelicanos, bem como às garças e às ibis (que inicialmente também eram consideradas mais próximas das cegonhas!).

Como se pode notar facilmente, o nome “bico-de-sapato” vem do bico massivo dessa espécie. A mandíbula superior pontuda e as bordas afiadas do bico auxiliam a cegonha-bico-de-sapato a capturar presas e fazê-las em pedaços. As presas mais frequentes são peixes, mas ela também pode consumir rãs, cobras, pequenos monitores e crocodilos, bem como, mais raramente, tartarugas, roedores e aves pequenas. Com uma altura tipicamente entre 110 e 140 cm, mas capaz de atingir 150, a cegonha-bico-de-sapato é uma ave alta. Sua envergadura também é grande, atingindo até 260 cm.

Certamente uma ave interessante para se observar. Foto do usuário do Wikimedia, Quartl.*

Certamente uma ave interessante para se observar. Foto do usuário do Wikimedia, Quartl.*

As cegonhas-bico-de-sapato são aves solitárias e mesmo em áreas populosas elas evitam ficar muito próximas umas das outras. Elas aparentemente amam hipopótamos, visto que o distúrbio que estas grandes bestas causam na água as ajuda a obter comida ao forçarem os peixes para a superfície.

A IUCN list a cegonha-bico-de-sapato como “vulnerável” e suas maiores ameaças incluem a destruição de habitat e a caça. Atualmente há entre 5.000 e 8.000 indivíduos com uma distribuição desconexa ao longo das bacias de rios na África sub-sahariana.

– – –

Referências:

John, J. R. M.; Nahonyo, C. L.; Lee, W. S.; Msuya, C. A. 2013. Observations on nesting of shoebill Balaeniceps rex and wattled crane Bugeranus carunculatus in Malagarasi wetlands, western Tanzania. African Journal of Ecology, 51(1): 184-187. DOI: 10.1111/aje.12023

Wikipedia. Shoebill. Disponível em: <https://en.wikipedia.org/wiki/Shoebill&gt;. Accesso em 13 de janeiro de 2016.

– – –

Creative Commons License
Estas obras estão licenciadas sob uma Licença Creative Commons de Atribuição e Compartilhamento Igual 3.0 Não Adaptada.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Conservação, Ecologia, Ornitologia, Sexta Selvagem

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s